Com escassez de policiamento, Prefeitura vai gastar R$ 6 milhões para ‘filmar ruas’

Se o uberabense anda se acostumando, e de forma negativa, as falsas promessas de Paulo Parado Piau (MDB) e companhia, esse anúncio de tal “Cidade Vigiada”, que diz que vai implantar 120 câmeras de monitoramento espalhadas por Uberaba, chama atenção. E quem acha que é de esperança de mais segurança, engana-se. Até porque me diz o que adianta ter câmeras se não temos estrutura e nem policiais para fazerem o serviço?
Mas o que assusta são os valores que serão gastos pela “misteriosa” CODIUB, aquela mesmo comanda por Dênis Silva. Lembram-se dele? Cria de Turkinho e Tony Carlos, e ex-secretário de Comunicação sempre está por trás de “coordenações” de campanhas eleitorais. Digo que é misteriosa a tal companhia de informática porque, apesar de municipal, tal companhia promove contratos terceirizados com a própria Prefeitura de Uberaba…
E o susto de tal cidade vigiada está no detalhe, veja… O edital de compra de tais equipamentos, que para mim, nada vai adiantar… Quase R$ 6 milhões (R$ 5.990.000,00) em gastos… Pode?
O que os uberabenses precisam são de mais policiais ou guardas municipais nas ruas. O que os uberabenses precisam é serem atendidos quando acionam a Polícia Militar ou Guarda Municipal, o que dificilmente acontece.
O meu medo sempre são esses editais envolvendo a Prefeitura e sua administração indireta, porque representam gastos e sempre sem nenhum resultado pratico.
Eta dezembro de 2020 que não chega…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *