Deputados recebem denúncias contra pátios do Detran; em Uberaba, um guincho custa 3x mais que o particular

Audiência pública realizada na Assembléia Legislativa de Minas Gerais debateu denúncias de favorecimento ilícito nos processos de credenciamento de pátios de veículos do Departamento de Trânsito do Estado de Minas Gerais (Detran-MG). O caso é grave, em Uberaba mesmo, se há ou não favorecimento não se sabe, mas uma coisa é certa: tem muita gente ganhando em cima.
Como já denunciou o BLOG antes, o serviço de guincho de veículos apreendidos pela polícia, é uma dos maiores escândalos do sistema. hoje um guincho deste tipo, pasmem, custa ao contribuinte nada menos que R$ 200,00, enquanto um guincho particular custa R$ 70,00. Ou seja, é três vezes mais caro. Alguém, claro, além do dono do pátio e guincho, está ganhando por fora,
E pior, a partir da segunda quinzena de julho, novos valores serão cobrados. A implantação do sistema implicará também no bolso do proprietário do veículo apreendido. A taxa de remoção de uma moto, por exemplo, passa de R$60 para R$81. Já o valor da diária deve cair de R$17 para R$13,97. Para os carros, a taxa subiu de R$70 para R$128. E a diária do pátio que era de R$20 será de R$24.
N audiência na Assembléia, despachantes e proprietários de pátios acusaram agentes públicos de favorecerem alguns candidatos em detrimento de outros. Diante das denúncias, o presidente da comissão e autor do requerimento para realização da audiência, deputado Sargento Rodrigues (PTB), disse que poderá pedir a instalação de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) caso o Detran não tome providências para apurar os fatos.
Ainda pior, o único deputado estadual de Uberaba, e por sinal delegado da Polícia Civil, Heli Grilo, chegou a defender o processo de como é feito tais escolhas. E ainda deu uma sugestão, de repassar tais recursos para instituições de caridade. Nunca vi como gostam de passar pano usando o assistencialismo.
Cabia na verdade uma CPI, não só par saber quem ganha na escolha dos administradores dos pátios, mas como quem está ganhando nos altos valores cobrados por pátios e guinchos.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *