G9 – grupo patronal – assume cargos na Prefeitura ‘sem ter nenhum voto’

Uberaba deve ser uma das poucas cidades do país onde entidades classistas patronais se unem para ter secretarias municipais. Aquele tal de G9 sempre foi usado para isso… Já percebeu? Somente aparece em períodos eleitorais e conseguem sempre emplacar de um a três secretários municipais na Prefeitura de Uberaba.
Se entidades de trabalhadores na cidade não são fortes, sobre tempo para as patronais pensarem em cargos ao invés de negociações. E pior, o atual prefeito Paulo Parado Piau sempre aceita imposições do grupo, que voto mesmo, não tem nenhum…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *