Nada mudou… Se é filho da gente, é homossexual, se é dos outros, é viado…

A vida prega cada uma… E tem doido que até acha que é coisa divina… Mas que é muita coincidência, isso é… No mesmo dia que a atriz e transformista Rogéria morreu, passou capítulo da novela Tieta (em reprise no Canal Viva), em que a personagem vivida por ela revelava que tratava de um travesti e não de uma mulher como todos imaginavam na pequena Santana do Agreste.
Além dessa coincidência, a partir dessa revelação, a personagem de Rogéria, Ninete, passa a ser muito discriminada na cidade fictícia. Demonstrando o preconceito contra travesti, transformistas, gays, etc,
Sabe o que é pior? É que tal novela foi exibida a primeira vez há exatos 28 anos atrás, mas continua atual como nunca. Os preconceitos demostrados em uma pequena cidade do Nordeste do Brasil não difere do restante de país ainda hoje.
O que difere hoje, por causa do “politicamente correto”, é que quase todo mundo tem homossexual na família. Mas sabe o que não mudou, infelizmente?
Se é filho da gente é homossexual, se é dos outros é viado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *