Pratica ilegal no Hélio Angotti pode gerar problemas judiciais, e atrasos da Prefeitura ainda seriam as causas

E os sérios problemas administrativos do Hospital Doutor Hélio Angotti continuam. Uma pratica ilegal vem sendo aplicada na instituição, e pode dar sérios problemas judiciais: o pagamento de férias de funcionários após estes gozarem o tempo de descanso.
Pela lei, o hospital teria que pagar as férias antes do funcionário entrar em tal período, e é algo que não acontece. Pelo contrário, os trabalhadores recebem as férias somente após voltarem ao trabalho, e assim mesmo junto com os pagamentos dos salários dos demais funcionários.
E os atrasos salariais ainda permanecem. Com tempo menor, mas permanecem. Se os pagamentos dos salários deveriam acontecer até o dia 5º dia útil, o Hospital, no entanto, paga mensalmente somente por volta do dia 16.
E a justificativa dada pela direção da instituição aos funcionários é sempre a mesma: a Prefeitura de Uberaba atrasa o repasse do SUS e por isso, o atraso.
Olha não adianta as inúmeras campanhas para arrecadar dinheiro para instituição, se não for feito as coisas dentro da lei… E ainda escutei de um funcionário: “enquanto recebemos férias e salários com atrasos, os chefes estão sempre trocando de carros e apartamentos”…
Vixe…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *