Prefeitura confirma rompimento do contrato da Pró-Saúde, conforme antecipou o Blog; E os funcionários como ficam?

Jornais da cidade deram agora a tarde a notícia que dei pela manhã sobre o rompimento do contrato da Prefeitura de Uberaba com a Pró-Saúde. Agora fica uma indagação: como serão feitos os acertos dos funcionários da Pró-Saúde e vai continuar a famigerada terceirização da Saúde?
A questão dos acertos trabalhistas vão sere problemáticos, pelo histórico da empresa no país, e até com médicos recém dispensados pela Pr´-Saúde. A terceirização, com Paulo Parado Piau, deve continuar, como antecipei, com Uniube e Funepu, ou somente com a Uniube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *