Sem nova licitação e sem acertos trabalhistas, Líder demite 50 ex-funcionários da Piracicabana

Já foram mais de 50 demissões dos ex-funcionários da empresa Piracicabana em Uberaba. A citada empresa, em mais absurdo administrativo de Paulo Parado Piau, transferiu sua concessão do transporte coletivo em Uberaba, para a empresa Líder. E ai que começaram os problemas…
Na tal “junção” das empresas, a Líder, logo de cara, demitiu 32 pessoas que prestavam serviços no escritório e lavagem de veículos na cidade. E não parou por ai, motoristas também foram demitidos.
E pensa que acabou? Sem fazer os acertos trabalhistas dos ex-funcionários da Piracicabana que continuarem a prestar serviços, a Líder fez apenas a transferência nas carteiras de Trabalho.
Isso que você entendeu mesmo. Não pagou os acertos, e deram baixas nas carteiras da Piracicabana, e registram de novo os trabalhadores.
Se é muito estranho, e imoral, a transferência de concessão do transporte coletivo autorizado pela Prefeitura de Uberaba, sem uma nova licitação, estranho também o Município aceitar este tipo de irregularidade dentro de uma concessão pública…
“Beraba”…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *